Menu Suspenso

domingo, 23 de agosto de 2015

Os índios negros americanos são os habitantes originais das américas


Já ouviu falar em índios de pele negra?


Índio pele vermelha? Não! ...mim índio pele preta!

Antes de começar, não tire conclusões precipitadas, e saia dizendo que os índios negros são resultado de mistura genética, por casamento, entre índios e africanos. Não seja afoito! Lembrem-se dos aborígenes australianos, e dos antigos habitantes das américas, antes da chegada  dos mongóis (ancestrais dos índios americanos) da Sibéria, pelo estreito de Bering.

A verdade é que, existem tribos de índios negros, nos EUA, dentre as quais os: Cherokee, Creek, Seminoli, Choctaw e Chicksaw, eles são índios negros. O termo comumente utilizado, para referir-se à eles, é: FREEDMEN.
                                                       

Em todo caso, houveram algumas misturas genéticas, através de casamentos, entre negros e índios. E ela foi tamanha que, os europeus cogitaram o fim da  reserva indígena Gingaskin, no condado de Northampton, sob a alegação de que:
 
“O lugar é agora habitado tanto por homens negros, como índios… muitas índias se casaram com homens negros, e, provavelmente, a maioria dos habitantes são negros ou tem sangue negro… os índios reais (que não se misturaram) eram poucos”.

Encontramos no site Ebony Life, cinco dados interessantes, sobre negros nativos americanos:
 
1- O historiador da Universidade de Harvard Henry Louis Gates Jr. escreveu, em 2009, que: "apenas 5 % de todos os negros americanos têm pelo menos 12,5 % de ascendência, proveniente do nativo americano, o equivalente à pelo menos, uma bisavó. Já a ascendência branca, dos negros americanos é a seguinte: 58 % dos afro-americanos possuem pelo menos 12,5 % de sangue europeu.
 
2- Alguns Seminole (índios nativos do EUA),  da Florida, formaram comunidades com os africanos fugidos da escravidão, criando o que veio a ser conhecido como Black Seminoles. O Censo de 1835 mostrou que, cerca de 10% dos índios Cherokee tinham sangue Africano...

Já outros especialistas estimam que, 90% dos negros americanos têm ascendência indígena americana.

Se você ficou curioso, para saber mais sobre esta matéria, e dos outros três dados interessantes, sobre os nativos americanos, acesse:

Muitos índios negros não são provenientes de mistura genética, sabia?

Essa foto abaixo, é muito importante porque, embora os americanos nativos tenham abrigado escravos fugitivos, a senhora da foto, já estava em Michigan (EUA), antes dos escravos migrarem...Tem-se então, um fato provado, e é: todas as tribos americanas (EUA) têm raízes negras, isto é, os fenótipos dos nativos americanos, apontam para as teorias defendidas por Diop e Van Sertima...
 
 
A Declaração sobre os Direitos dos Povos Indígenas inclui a 'Nation Washitaw', uma nação que é composta de pessoas negras, que conta com evidências arqueológicas e históricas, para provar que, os habitantes originais da América do Norte e América do Sul (os chamados "índios") eram negros, que vieram da África. Agora veja este caso:

Veja o caso dos 'powwows' (?)  - nativos americanos - eles não abrigavam escravos fugitivos, isso levou o autor do site stewartsynopsis.com à acreditar no seguinte: "índios negros não são apenas resultado de escravos africanos, provenientes de mistura com os chamados índios peles-vermelhas, que fugiam da escravidão, como muitas fontes documentadas fazem você acreditar. Índios negros são indígenas das América do Norte, do Sul e Central, antes mesmo, dos chamados 'Homem Vermelho' aqui chegarem, através do estreito de Bering, antes dos europeus aqui chegarem, e antes dos cruzamentos (casamentos, mistura genética) entre negros e índios".

Recentemente, cientistas descobriram crânios na América do Sul, que se assemelham mais com indígenas australianos, melanésios e africanos subsarianos, do que com norte-asiáticos. Tal constatação advém da comparação de 81 crânios, da Região de Lagoa Santa, no Brasil, e de dados mundiais sobre a variação humana... A pesquisa foi publicada na revista Proceedings of the National Academy of Sciences, em 2005.

Mais de 200.000 pirâmides antigas, e enormes montes de terra em forma de cones, animais e desenhos geométricos, ainda podem ser encontrados, a partir da costa sul da América, até o Canadá. Estas estruturas foram construídas por pessoas conhecidas como "The Mound Builders." Eles eram de pele escura e cabelos negros, eram os índios (nativos) das Américas do Norte, e são parentes dos olmecas, da América do Sul. A origem deles remonta à pangeia ou às primeiras migrações através do estreito de Bering.

Colombo não estava totalmente errado em chamar essas pessoas de "índios". Veja que, o verdadeiro significado da palavra "índio" é ("INDI" que significa negro, exatamente como na Índia, onde as pessoas são negras). Os restos mortais desta antiga civilização PRETA, ainda estão de pé, tanto na América do Norte quanto na do Sul.
 
Mais detalhes estão disponíveis no livro:
"Return of the ancient ones:
(the true history uncovered) of the Washitaw de Dugdahmoundyah Empire".
 


Em 1993, o Centro das Nações Unidas, para os Direitos Humanos, reconheceu o império Washitaw de Dugdahmoundyah como o mais antigo grupo indígena da Terra.

NO BLOG - HEBREUS ISRAELITAS - ENCONTRAMOS A SEGUINTE INFORMAÇÃO:

 "MUITOS ÍNDIOS AMERICANOS DEIXARAM DIVERSAS INCRIÇÕES, EM HEBRAICO ANTIGO, REGISTRADAS EM ROCHAS, EM DIVERSAS PARTES DO CONTINENTE AMERICANO. ALÉM DISSO, ELES USAVAM FRANJAS, NOS CANTOS DE SUAS VESTES, HABITAVAM EM TENDAS, COMIAM PÃES ASMOS E USAVAM COCAR COM CHIFRES, EXATAMENTE COMO OS ANTIGOS POVOS ISRAELITAS (BÍBLIA) FAZIAM. ESSAS SERIAM APENAS CINCO DAS VÁRIAS EVIDÊNCIAS DE SUA ORIGEM HEBREIA".

Finalizo aqui, o assunto, que é amplo; então, recomendo que você faça uma pesquisa particular, mas, saiba somente isto: há índios negros, e muitos não são provenientes de mistura genética, porque, na verdade, os índios e os negros (índios ou não) são os povos mais antigos da terra, e são, conforme título de nosso blog, os verdadeiros israelitas, descendentes dos antigos hebreus.

Fontes:

 
Walter A. Neves; João Paulo V. Atui.O mito da homogeneidade biológica na população paleoíndia de Lagoa Santa: implicações antropológicas. Rev. Antropol. vol.47 no.1 São Paulo  2004. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-77012004000100005&script=sci_arttext. Acesso em 23 ago. 2015.

5 Things to Know About Blacks and Native Americans. Disponível em: http://www.ebony.com/life/5-things-to-know-about-blacks-and-native-americans-119#.Vf6ViXlerIU.

Hadassah Yashurum. As tribos perdidas de Israel foram encontradas. 2012. Disponível em: https://hebreuisraelita.wordpress.com/2012/11/01/as-tribos-perdidas-de-yisrael-foram-encontradas-parte-1-introducao/. Acesso em 23 ago. 2015.

 

Um comentário:

  1. na verdade nossos inimigos o mais que eles forjaram mentiras para enganar os incautos todavia nos descendentes da naçao hebraica negros por direito de nosso criador temos hoje entendimento para alarmar esta verdade que por muitos anos foi escondida,pois yahuh o criador de todas as coisas esta abrindo o entendimento das pessoas e ver a verdade como ela é e desmascarar a mentira e o engano que sofremos por geraçoes a todos digo: pesquise estude suas origens e saiba tudo sobre seus ancestrais que esta nas escrituras sagradas lembre se voce é alguem muito importante para o PAI ETERNO.

    ResponderExcluir